Nome: Dina Matos

Idade: 39 anos

Biblioteca: Biblioteca Municipal Eugénio de Andrade – Fundão

Frase: Sempre imaginei que o paraíso fosse uma espécie de biblioteca! (Jorge Luís Borges)

O mais gosto no meu trabalho… O contacto com os leitores. O “poder” que as bibliotecas ainda dispõem de maravilhar os seus leitores, dos mais pequenos aos mais crescidos. O “poder” de criar novos leitores. O de falar com os leitores, de criar inclusive laços de amizade ou companheirismos. Não somos só um edifício, somos e devemos ser um serviço por completo a toda a comunidade.

O meu local preferido na biblioteca… Atendimento, Serviço de referência.

Se não fosse bibliotecári@ seria… professora. Para mim o ensinar é visto como uma partilha do saber que adquiri. A minha profissão terá que contemplar necessariamente o contato com as pessoas. 🙂

Uma biblioteca é… ” Uma biblioteca é uma casa onde cabe toda gente”, parafraseando um livro editado pela Mafalda Milhões.

Aconteceu na biblioteca.. Vários projetos são desenvolvidos na biblioteca municipal, mas um que deu especial satisfação, foi a realização do “concurso artístico Eugénio de Andrade”. O projeto foi desenvolvido no ano de 2015. Foi pedido a toda a população escolar do concelho que criasse a partir  de um poema de Eugénio de Andrade um elemento visual que ilustrasse essa poesia. O resultado foi fantástico. Tivemos pinturas em tela, maquetes 3 D, trabalhos em barro e outros materiais. Desde os 5 aos 80 anos tivemos participações de todo o concelho. A poesia de Eugénio de Andrade uniu vontades e criou laços de amizade e de cooperação entre todos os envolvidos.

Desafio para próximo entrevista… Graça Baptista (Biblioteca Municipal de Vila Velha de Rodão)

 

Similar Posts